X

Login do Site

Esqueceu sua Senha?
AUSBRAUSAUSABRAAUSBRAUSAAUS

Está Surfando na Prancha Errada?

by Juan on June 17, 2015


Como o Volume das Pranchas está mudando o Mercado

Recentemente existe um grande esforço dos shapers e surfistas para incluir a variável do volume na hora de escolher e encomendar as nossas pranchas usando ferramentas como a nossa Calculadora de Volumes.

Graças ao auxilio dos computadores e máquinas CNC na fabricação de pranchas o volume tem sido uma medida muito importante durante a etapa de desenho, e é um dado muito importante quando recomendamos uma prancha baseada na idade, habilidade e tipo de onda surfada pelos nossos clientes.

Surfistas da elite como Kelly Slater, Carissa Moore, Mick Fanning e Steph Gilmore sentem a diferença quando mudam meio litro nas suas medidas. É muito importante o impacto que o volume tem nas nossas pranchas de alta performance hoje em dia.

Enquanto alguns iniciantes nem pensam no volume das suas pranchas, eles aprendem rapidamente a importância de usar o equipamento certo. Uma boa prancha para o iniciante pode fazer toda a diferença entre pegar várias ondas e evoluir rapidamente e ficar estagnado durante uma etapa muito frustrante e potencialmente desistir do esporte.

Mas como vou achar o volume certo para mim?

Darren Handley of DHD Surfboards and Mick Fanning checking surfboards
Mick e o Darren escolhendo algumas pranchas da DHD Surfboards.

Descobrindo o Volume Certo

Chegar no volume certo depende de vários fatores; nossa idade, habilidade, peso e tipos de ondas que pensamos surfar são todas variáveis importantes que nos ajudarão a chegar no volume certo para nós.

Ao escolher uma prancha nova as medidas externas de uma prancha são um bom início. Mas a distribuição da espuma ao longo do shape faz uma grande diferença também quem influencia muito na remada, velocidade e performance geral de uma prancha.

Hoje temos ao nosso alcance muitas ferramentas muito legais como tabelas e calculadoras de volume. Mas temos que tomar cuidado e não levar ao pé da letra os resultados dessas ferramentas pois são estimativas que muitas vezes só levam em consideração parâmetros muito superficiais como nosso peso.

Que outros fatores estão envolvidos?

A nossa Board Engine é uma calculadora mais avançada que nos oferece exemplos de pranchas usando nossa idade, estado físico, habilidade, tipo de ondas e estilo de prancha que pretendemos usar. Todos estes dados resultam em recomendações de pranchas com um alto grau de acerto.

Vamos ver um rápido exemplo. Digamos que temos duas pessoas; uma de 25 anos e outra de 60. Ambos com 1.80 e 80 quilos, por mais que tenham corpos parecidos sabemos que normalmente o estado físico de uma pessoa de 25 anos é muito melhor que alguém com 60. Por isso é importante que as calculadoras levem em consideração estes dados.

Encontrando o Volume de uma Prancha e o uso de Programas CAD (Desenhos Auxiliados por Computador)

Até pouco tempo atrás nós não dávamos muita importância ao volume das pranchas, muitos nem sabíamos o que era. Bastava sentir as bordas, colocávamos as pranchas embaixo do braço e já tínhamos uma ideia básica de como a prancha ia flutuar.

Muitos continuam fazendo isto e julgam suficiente, se você surfa há muito tempo talvez consiga continuar achando a prancha certa colocando embaixo do braço mas é bom ter uma noção básica na hora de encomendar uma nova prancha.

Antigamente os shapers eram obrigados a usar piscinas ou tanques para medir quanta água subia para saber o volume da prancha, hoje com os programas CAD sabemos exatamente o volume da prancha enquanto desenham ela e otimizam o shape ao máximo, o que é muito importante pois qualquer bom surfista vai sentir a diferença que até meio litro pode fazer em uma prancha.

Então, agora que podemos encontrar e definir o volume que queremos nas nossas pranchas temos que aprender como ele se relaciona com a área de superfície, outline e distribuição de espuma pela prancha.

Dan MacDonald of DMS Surfboards hand-shaping surfboards
Dan MacDonald concentrado no trabalho.

Volume e o Shape da Prancha

Sua prancha pode parecer grande, mas isto não quer dizer que ela vá flutuar bem. Uma pranchinha 6’2” comum pode ter menos volume e flutuação que uma merrequeira 5’4” por exemplo.

Vejamos duas pranchas parecidas com dimensões semelhantes.

Digamos que as duas são 5’8” com 20” de largura e 2.5” de espessura. A primeira prancha tem um bico estreito e puxado, a segunda tem um bico mais largo e arredondado. A segunda prancha terá muito mais volume devido ao seu outline.

lost surfboard volume comparison Mini Driver vs The RV
Comparativo de pranchas: Lost Surfboards Mini Driver na esquerda e a The RV na direita.

Isto não quer dizer que uma prancha é melhor que a outra.

A primeira prancha talvez tenha mais performance em ondas mais cavadas e íngremes como a Emery Steroid Step Up,

A segunda provavelmente vá funcionar melhor em ondas mais fracas com menos parede para manobrar como a The Sardine da JR

Encontrar o volume certo inclui uma combinação de medidas externas com a litragem da prancha levando em consideração nossa idade, habilidade, estado físico e tipo de ondas que pretendemos surfar.

Mas não use um único volume para todas suas pranchas.

Em boas ondas muito volume pode te prejudicar. Sim você terá mais remada, mas na hora de cravar a borda ou durante as manobras este volume pode dificultar um pouco nossa vida. Neste tipo de condições veremos que pranchas como a Ducks Nuts da DHD ou a Pinky da Pyzel ajudam, e muito.

Igualmente, em ondas fracas e ruins se sua prancha não tiver suficiente volume não conseguirá pegar tanta onda nem manobrar nelas como gostaria. Provavelmente enterra as bordas ficará para atrás e não conseguirá unir seções da onda como gostaria. Para esses dias temos pranchas como a Chubby Cheddah da LSD ou a incrívelAce of Spades do Matt Penn

Realmente temos que encontrar um bom equilíbrio entre o tipo de equipamento que usamos e as ondas que surfamos.

Construção e Materiais

different surfboard construction types
As pranchinhas de esquerda para direita: SF3 da Tokoro, Chubby Cheddah da LSD, SUPER Fling, Blak Box da JS Industries, Sweet Spot 2.0 da DHD.

Há muita polêmica sobre a flutuação das Pranchas de EPS e Epóxi. Muitos acreditam que elas flutuam mais e a sensação é que ficamos um pouco mais em cima da água do que com as pranchas comuns de poliéster.

Será que os programas de shape e tanques de medição de volume sabem a diferença entre essas duas construções?

É importante lembrar que por mais que as duas construções tenham o mesmo volume, sua performance será diferente. Isto não tem nada a ver com o volume da prancha e sim com o peso dela.

Você não sentirá tanta diferença entre as duas a medida que está remando, mas na hora de surfar a onda você verá que uma prancha de poliéster normalmente ajudará a dropar e a navegar pelas imperfeições das ondas melhor, enquanto uma de Epoxy mais leve facilitará aéreos e manobras mais fechadas. Estes são dois aspectos onde a performance pode ser diferente.

O Veredito

Não perca tempo surfando com a prancha errada!

Usando ferramentas mais avançadas como a nossa Board Engine você pode considerar algumas variáveis muito importantes para chegar na sua prancha certa. Usando esta informação, um pouco de bom senso, e orientações dos nossos consultores e shapers você pode facilmente montar seu quiver dos sonhos.

Tem algo a acrescentar ou gostaria de discutir mais a fundo a teoria do volume conosco? Nos diga o que acha nos comentários, ou nos acompanhe no Facebook da Boardcave Brasil e Boardcave Instagram.



Calcule seu volume perfeito – The Board Engine


Change to Pounds/Feet

Find Surfboards

12345
Hover over numbers for description

Advanced Options

Get more specific results by selecting from the options below:
Shortboard / Performance
Hybrid / Concept
Longboard / Malibu
Retro / Fun
1-2ft2-4ft4-6ft6-8ft8ft +
Select ’5′ for the most important and ’1′ for the least important.
12345
12345

Comments

{ 2 comments… read them below or add one }

Alessandro Rocha May 9, 2016 at 10:48 pm

As medidas estão bastante precisas,mas eu gostaria de obter mais informações sobre volumes e litragem

Reply

Boardcave Brasil May 11, 2016 at 2:15 pm

Oi Alessandro! Eu gosto de dividir meu peso por 2.7 para chegar no volume confortável pro dia a dia. Por exemplo, eu com 72 kilos uso mais ou menos 26 lts. Um pouco mais para as merrequeiras mas não mais de 29 lts.

Reply

Leave a Comment

Previous post:

Next post: